Declaração de biblioteca:

A seguir a Stieg Larson, Jo Nesbo é o meu escritor favorito. 

 De referir que este último ganha apenas por ainda estar vivo.

Comentários

Mensagens populares deste blogue