A verdade, verdadinha

É que poucas coisas me sabem tão bem na vida como estar apaixonada.

Se há alguém que podia viver só disso era eu!

Comentários

A Chata disse…
Estás linda, estás...

Mensagens populares deste blogue