Eu, Ana me acuso:

Os sobreviventes, seja de que tipo de catástrofe for, sofrem todos e inevitavelmente do mesmo problema: falta de medo.

Porque sabem que sobreviveram ao pior e mesmo assim são capazes de voltar a viver e isso, per si, torna-os capazes de coisas que os outros julgam loucura.

Comentários

A Heterónima disse…
E eu, sobrevivente, esqueço-me sempre disso.
Amanhã, já lhes conto uma história!

(vou escrever um S na mão, só para não me esquecer.)
Calíope disse…
Nunca tinha pensado nisso, mas faz todo o sentido. Há sempre um lado bom das coisas :)

Mensagens populares deste blogue

Tal como agora.