Uma das coisas mais difíceis.

@ La Valleta, Malta


É deixarmos que os lugares nos mostrem quem somos.

Porque é a viagem mais solitária de todas. A saída da nossa profunda zona de conforto e porque nos obriga à reformulação de nós próprios.

E a convivência com o melhor e o pior de que todos somos feitos nem sempre se aceita pacificamente.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Eu:

Porto (de Abrigo)