Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2014

O décimo mês do ano.

Outubro foi um mês ambivalente. Logo visível no facto de me estar a pedir um balanço sem motivo ou razão alguma. 

Outubro encerra em si um ciclo, que nem eu própria sei bem qual é. Mas há um sentimento intrínseco de fecho que se foi intensificando à medida que Outubro decorria. E eu aprendi já que há coisas que não se explicam, apenas se sentem e isso por vezes tem de ser suficiente.

Outubro foi um mês de temperaturas quentes, ao contrário do que sempre nos habituou. Este ano, Outubro brindou-nos com um calor maduro, tardio, a lembrar os dias lânguidos, permitindo-me estar na praia em dias que eu não planeava e a usar a roupa de Verão até já não saber mais o que vestir.
Outubro foi um mês que prometeu e não cumpriu e cumpriu tanto mesmo sem prometer nada. Foi um mês de viagens constantes, de descobertas de cidades novas, de revisitação de algumas antigas. Um mês de ir para fora cá dentro, ir cá dentro lá fora e todos os inversos possíveis. Foi um mês de viagens a quatro com muita risota…

Estou em contagem decrescente.

Para as coisas boas que me esperam no regresso a Portugal. 
E quase me tinha esquecido da sensação de friozinho na barriga.

Está-me nos genes!

E no meio dos 200 homens de todos os países dessa Europa fora, eu tinha de engraçar e passar o dia em troca de olhares com um Português, pois claro!

Este ganha pontos por ter tentado!

Estou num Evento Europeu com pelo menos 200 homens e um deles acaba de me convidar para ir ver a vista do quarto dele que é no 16º andar.

Quão marado um cérebro pode estar

Para sentir o cheiro de flores no Jardim e pensar automaticamente quem estava a fumar cigarrilhas logo pela manhã?!

Cometi uma loucura!

Reservei um fim-de-semana num hotel de 5* para mim sozinha numa terra longínqua de Portugal!

Nota-se muito?

Ando com tanto trabalho, mas tanto trabalho e dezenas de viagens à mistura que nem sei mesmo para onde me virar!

Verbo da Semana :

Caoticar.

Estado actual deste blog:

Imagem

Os 30:

#15 - Fazem-nos perceber que o tempo selecciona as melhores pessoas na nossa vida.

Mulheres solteiras de Portugal

O melhor sitio para engatar homens giros é a Decathlon!

Os 30:

#14 - Fazem-nos perceber que há homens giros na Portugália do Cais do Sodré!

Dúvidas que me assolam!

Ir à Corrida da Mulher testar estes 2 meses de treino ou ir ao Porto com o Deus de Ébano a um Magusto de trabalho?

Acho mesmo.

Que vou ter de perder o amor ao dinheiro e comprar uns bons ténis novos.
É que parece que esta coisa da corrida está para continuar!

From Lisbon with love!

Imagem
@Torre de Belém, Lisboa, Portugal

Sou tão fácil!

Hoje quase chorei de alegria ao voltar a saborear o meu café da manhã.

Partilhar um táxi com um estranho? Check!

Este era Grego, Professor Universitário de Química, de olhos azuis e cabelo grisalho, casado e na casa dos 50 anos.
Zagreb trouxe-me tantas coisas boas e inesperadas de uma só vez!

Caro S. Pedro

É bom que haja sol no fim-de-semana em Lisboa. Não só estará lá uma das pessoas mais queridas na minha vida, como preciso de secar roupa urgentemente, sob pena se não ter o que vestir nas próximas viagens!

Sabemos que a vida já nunca mais será como antes!

Acabaram de me criar uma hashtag no Instagram chamada #ana_correndopelomundo.

Meti uma cunha à minha ex-chefe

Para ir ao Sri Lanka com o Deus de Ébano.
Em trabalho, obviamente!!!

Socorro!!!

Querem-me em Viena no final deste mês!

Primeira impressão Croata:

Os homens croatas fazem definitivamente o meu género!

O Deus de Ébano - Uma breve introdução ao conceito!

Tenho recebido alguns comentários, e-mails e conversas sobre o Deus de Ébano com inúmeras perguntas sobre o dito cujo, sugestões de potenciais formas de engate e conselhos amorosos.
Tenho os melhores leitores/amigos do Mundo que se preocupam comigo e apreciam o tom bem-humorado com que falo sobre a minha (in)existência de vida amorosa dos últimos meses. Ou poderia mesmo dizer do último ano!
Assim, achei que um enquadramento era necessário, mais por diversão vossa que minha.
Para que percebam melhor os meus dramas, eu trabalho numa empresa com mais 850 colegas, entre os quais o Deus de Ébano. São 8 edifícios espalhados por vários metros quadrados de área, sendo que o meu fica geograficamente distante do dele e ambos têm garagem, pelo que a probabilidade de nos encontrarmos no estacionamento é inexistente.
Acresce a isso, o facto de eu trabalhar num departamente diametralmente oposto ao dele, sendo que eu trabalho num sector hiper específico onde somos 5 pessoas na equipa e ele é Director d…

Turn off:

#12 - Homens que não saibam cozinhar.

Breve introdução ao Conceito: Regalia

Acordar às 9h da manhã em Paris com um céu azul lindo e ter o sol a bater-me na cara enquanto espreita pelas árvores em frente à minha janela.

Nem acredito!

Ontem andei de bicicleta e cabelos ao vento pelos Champs Elysees e senti-me livre.

From Paris with Love!

Imagem

From Rome with love!

Imagem

Impressão Romana

Roma é muito mais bonita ao anoitecer!

Jantei numa esplanada de manga curta ontem!

Imagem
@ Roma, Itália

Isto é que é planear!

Há a possibilidade de, no próximo ano, levar comigo a Atenas o Deus de Ébano e eu decidi começar já a ver hóteis românticos, com vista para a Acrópole.

8 Coisas que eu aprendi desde que comecei a correr:

Imagem
1. Aprendi quais os cafés e padarias que já estão abertos às 7h da manhã, os que já têm pão fresco e onde é que os bolos cheiram melhor. Tão bem, mas tão bem que corro mais rápido só para não lhes sentir o cheiro.
2. Aprendi que não consigo comer nada antes de ir correr de manhã. Que me é muito fácil e rápido acordar e vestir-me, beber um copo de água e sair para gastar as calorias e o stress. E nem sequer sinto fome nem qualquer fraqueza enquanto corro, mas que quando paro parece que tenho um buraco negro no estômago.

3. Aprendi que as luzes de Lisboa se apagam às 7h20 em ponto, que os cantoneiros passeiam em grupo pelas ruas fora, que o nascer do sol é um momento mágico mesmo quando há nuvens a espreitar e que esta parece ser também a hora preferida para os donos passearem os cães.
4. Aprendi quais os vizinhos do meu bairro que também correm ou andam logo pela manhã no mesmo Jardim que eu. Re-aprendi que dizer "Bom Dia!" e cumprimentar as caras habituais lhes põe um sorriso n…

Pergunta do dia:

#5 - Haverá algo mais constrangedor do que assistir a uma cena de (bom) sexo com um quase-desconhecido ao lado?

Porque é que Campo de Ourique é o melhor bairro de Lisboa!

Sempre que digo a alguém que moro em Campo De Ourique a expressão que se segue menciona uma de duas coisas: o pesadelo do estacionamento ou o Mercado. 
Nenhuma delas é assim tal qual a pintam.

Estacionar em Campo de Ourique, para aqueles que são moradores declarados e conhecem as rotinas do bairro é mais fácil do que parece aos visitantes lisboetas. Assim como o Mercado de Campo de Ourique promete mais do que efectivamente cumpre.
Mas o melhor de tudo para mim, é morar num bairro onde as senhoras da frutaria onde vou me tratam pelo nome e me perguntam automaticamente de que país cheguei e qual o próximo para onde vou.
É morar num bairro onde a senhora da padaria me oferece 2 pães a mais porque já é final do dia e vão-se estragar se não forem vendidos.
É morar bum bairro onde o condutor do carro que parou na passadeira me diz adeus porque já me conhece.
É morar num bairro onde a vizinha de baixo me enche a casa de maçãs porque trouxe 5 caixas da quinta e tem muitas mais lá ainda.
É morar nu…

Pergunta do dia:

#4 - Onde se consegue comprar um fato de banho de natação em verde?

Pergunta do dia:

#3 - Mas Domingo ainda é feriado ou não?

Turn off:

#11 - Homens que utilizem a palavra "miga".

Só para avisar:

Deus de Ébano is in the house!

Pergunta do dia:

#2 - Não se pode fazer festinhas a um amigo sem que haja segundas ou terceiras intenções?

Tenho a sensação...

Que hoje era um bom dia para as pessoas (eu incluída!) se apaixonarem com uma simples troca de olhares.

Sei que não sou uma pessoa simples ou comum

#22 - Quando os meus relógios todos começam a atrasar no meu pulso sem nenhum motivo aparente e depois de terem levado pilhas novas.

Turn off:

#10 - Homens incapazes de tomar a iniciativa.

Pergunta do dia:

#1- Até que ponto estamos disponíveis para abdicar do nosso bem-estar em troca de um salário no final do mês?

Verbo da Semana

Networkar.