Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2016

Outubro:

O mês de atingir todos os limites.

Basicamente o mesmo que acontece nos carros!

A fiabilidade no ser humano parece ser característica rara e estar em vias de extinção.

Não peço muito.

Só quero alguém que esteja lá nos bons e nos maus momentos.

Até ao ponto de não lhe conseguires resistir.

É a exacta curva do meu pescoço que espera sedenta pelos teus beijos ardentes que a tornem ainda mais vincada.

Só a malta dos 80's vai perceber:

Vou mudar o meu nome do meio para Nokia: Connecting People!

Das entranhas:

Eu nasci para acreditar.

Em Londres aprende-se:

Que tenho sono sempre por boas razões!

Sabedoria de Aeroporto:

Aquilo que nos amedronta é precisamente aquilo que nos desafia.

A maior história de Amor:

É a do Sol que decidiu morrer todas as noites para deixar que a Lua vivesse tanto tempo quanto ele.

Defeito de Fabrico:

Sou péssima a cumprir as promessas que faço a mim mesma.

Momento embaraçoso do dia:

Ser apanhada nua pela Helena Isabel.

7 Pecados do Amor:

#3 - Não compreender que o tempo é a chama que alimenta o amor.

Ainda me faz acreditar em coisas boas!

Não há nada mais delicioso do que ver um homem de fato com um ramo de flores na mão.

Esta noite.

Algo se partiu irremediavelmente e eu tenho dúvidas de conseguir voltar a ser a mesma a partir daqui.

Sou masoquista sem prazer.

Quando abro o email e vou ler coisas passadas que me escreviam as pessoas que eu amei.

7 Pecados do Amor:

#2 - Acreditar que aventura e amor não podem andar de mãos dadas.

7 Pecados do Amor:

#1 - Ter o amor como algo adquirido.

Caso-me!

Imagem
Quando encontrar um Homem que me beije assim!


Mas em compensação...

Morro de saudades do sentimento que me consumia o peito quando decidi conceber o meu filho.

Com ou sem ele.

Eu não tenho saudades de um amor, mas tenho saudades de ser feliz...

Até sermos os dois apenas uma mancha de negro.

Costumavas ser a minha melhor parte.

Já lá vão uns anos.

Conheço-me o suficiente para saber que não confundo tabus com sentimentos.

Uma música por dia, nem sabe o bem que lhe fazia! #1

Imagem

No brunch aprende-se:

Que o pior para se ser trocada é por Deus, porque não há concorrência possível.

A felicidade está nos detalhes.

Sair da cama às 10h e voltar a pôr um vinil a tocar enquanto rodopiamos pelo chão frio de madeira com um pijama confortável.

Claramente o Universo quer que entenda alguma coisa!

3 homens que num espaço de 24h se ofereceram para me encherem de beijos.

Pago por essa informação!

Alguém que me explique como é que é possível ir ao ginásio e ficar com um cabelo apresentável?!

Lição n.º 68

O tempo é o combustível do amor.

A realidade dos factos:

Eu era menina e tu obrigaste-me a ser mulher.

A minha avó sabia disto!

Por morrer uma andorinha não acaba a Primavera.

Para teu próprio bem.

Nunca faças promessas que sabes que não podes cumprir.

Coisas que deviam estar novamente na moda:

Bilhetes de amor e cestos de piquenique.

Back on track!

Sabes que continuas no caminho certo quando recebes emails do Alvim com convites.

Ainda que detestes...

Estás oficialmente adulta quando levas o carro à inspecção obrigatória sozinha.

E sabe tãoooooo bem!

Sabes que estás de volta a ti quando voltas a ter convites sobrepostos para coisas que queres mesmo fazer...

A lição mais difícil:

É aceitar que o Homem pode f@der o seu próprio Destino.

As melhores amigas.

A noite é a melhor amiga da saudade.

Até pode ser inconsciente...

Mas o amor acaba no preciso momento em que deixamos de ter tempo para a outra pessoa.

Mantra Mode:

Imagem

Sabes que alguma coisa realmente importante se passa

Quando dás por ti a procurar no Google detalhes sobre ir viver para Cuba (e não é a do Alentejo!).

A luz desta manhã em Lisboa.

Dá-me vontade de ir embora.

Ainda que o calendário só marque o seu início a 21 de Dezembro.

Sei que o Inverno já começou pelo facto da minha gata se aninhar na manta felpuda e quentinha que uso para me aconchegar nas noites em que fico acordada a pensar na vida.

Porque leio blogs.

Para me lembrar da sensação boa no peito quando acontecem coisas certas na nossa vida.

Verbo da Semana:

Backuppar.

E de pó de estrelas.

Somos todos feitos das promessas que nos fazem e das que deixamos por cumprir.

Sei que ainda não perdi o jeito.

Quando um jantar a 2 se transforma num jantar a 7!

Coisas verdadeiramente úteis!

Nada como um coração partido para chantagear as amigas.

Tristeza

É sermos obrigados a mudar de casa só para proteger o nosso coração. E a alma!

De há uns dias a esta parte.

Morro de saudades de Cuba.

Pergunta do Dia:

Como se cura a alma depois de ter sido despedaçada?

Melhor conselho a mim mesma:

Nunca me enrolar com homens que respeito.

Pergunta do dia:

É possível uma mulher com um filho pequeno usar saltos altos? 

Lição n.º 67

Todo o ser humano tem um limite para o que é capaz de perdoar.

Já a minha avó dizia

Quando um não quer, dois não dançam.

Seja quem for...

Às vezes, a única coisa que é preciso é alguém que te re-lembre as tuas crenças.

Para memória futura:

As crenças não se podem sobrepor, têm de se alinhar.

Deixei de me preocupar com os outros.

É melhor ser feliz sozinha do que miserável ao lado de alguém.

Do que sei:

Posso até voltar a despir o meu corpo muitas vezes para muitos homens diferentes, mas dificilmente voltarei a despir a minha alma como fiz contigo.

A única religião que professo:

O amor é a minha fé!

Na festa de aniversário aprende-se:

Que as terceiras mulheres são o equivalente a acompanhantes de luxo.

Agradeço muito por isto!

Sei que tenho um imenso e enorme privilégio na vida por poder tirar mais 90 dias de licença alargada e ir cuidar de mim. 
Eu sei que mereço mas não consigo evitar pensar que muitas mulheres também mereciam e não o podem fazer.

Sempre!

Procurar a felicidade nas pequenas coisas, por mais mínimas ou insignificantes que possam parecer.

Ainda que só dependa de mim, ou outros podem sempre ajudar-me!

Há duas coisas que eu gostava que nunca me acontecessem: tornar-me cínica e perder a minha fé nas pessoas.

Tenho uma gata em vez da abóbora!

Sei que também eu sou uma princesa, mas nestes últimos tempos só me sinto uma gata borralheira.

Devagar...

Hoje ao olhar para trás na minha vida, um exercício raro mas saboroso, percebi que tenho vivido a um ritmo sempre acelerado e numa busca constante por algo que almejo.
Está na hora de abrandar e saborear a vida devagar. Afinal de contas já tenho tudo o que sempre sonhei. Mesmo não tendo o que sempre quis... 

Sinto falta:

De homens que escrevam bem nesta blogosfera!

O cúmulo do gay-ismo

É um casal de gays a almoçar uma salsicha cada um.

O melhor sexo:

É aquele em que a outra pessoa te ama da raiz dos cabelos até às unhas dos pés!

Sei que a vida me trata bem.

Quando dou por mim sentada numa loja de maquilhagem com 3 mulheres lindas e fantásticas que não só cuidaram de mim como ainda por cima me puseram lindíssima!