Morro de saudades...

Da miúda que há 5 anos atrás pegou em si, numa noite fria de Inverno, entrou no metro e foi plantar uma carta de amor manuscrita no Sinal de Alarme.

Comentários

Mensagens populares deste blogue