Noite de Natal

Não sei se é da chuva lá fora, se do facto de estar a fazer bolachas caseiras com formas e feitios diferentes. Não sei se é da Ella Fitzgerald que está a tocar no gira-discos ou do cheiro a laranja e canela que sai do forno. Não sei se é porque daqui a bocado vou visitar amigos que são como irmãos ou se é só um estado de espírito muito meu. Mas a verdade é que hoje me parece Noite de Natal. E se não há pinheiro com luzes, nem presentes debaixo da árvore, pelo menos que haja o perdão que devia existir não só nesta época.

Feliz Natal a todos os que se sentirem como eu! 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tal como agora.