Ou destruo ou sou destruída...

Às vezes pergunto-me porque é que me é impossível ser o tipo de mulher que tem relações amorosas ilesas.

Comentários

Eros disse…
No pain, no gain... :)
Elisa disse…
Isso existe?!?
Ana A. disse…
Eros, tramado mas verdade.

Elisa, existir, existe mas não é definitivamente o meu tipo de relação.
clara disse…
Desconheço relações amorosas ilesas. Não existe. A natureza humana é demasiado complexa para não andarmos a magoar-nos uns aos outros.

Mensagens populares deste blogue

Porto (de Abrigo)

Dear Past Me:

Cabe-nos a nós fazer melhor!